Kaká Marinho revela como usar protetor térmico no verão. Você está fazendo isso direito?

0
347

O verão é uma estação complicada para o cabelo. Afinal, nesta época os fios passam por uma transição que requer cuidado: as madeixas estão durante meses recebendo água quente no couro cabeludo, que estimula as glândulas sebáceas e, consequentemente, a oleosidade do cabelo.

E de repente, bum! Essa rotina é abortada pela mudança de clima. O verão é uma estação complicada em razão do calor intenso. Essa, infelizmente, não é uma característica restrita ao Brasil.

O clima está se elevando em quase todo o mundo. Mas o Brasil sente isso de maneira particular. Ainda nem começou o verão e já está muito quente!

Então, claro, eu não poderia deixar de manter vocês informados sobre como proteger o cabelo das ações térmicas nesta época do ano.

Eu falo tanto das ações térmicas naturais – como o sol e o calor – quanto dos procedimentos realizados em salões de beleza, que requerem o uso de protetor térmico.

Eu vou passar algumas dicas bem legais para vocês ficarem atualizados e prontos para enfrentar o verão!

Todos os protetores térmicos são iguais? Pode ser usado o mesmo protetor térmico para todo tipo de cabelo?

A resposta é não.

Se você tem fios finos, por exemplo, o melhor protetor térmico é o spray em líquido. Como as madeixas são leves, outro tipo de substância poderia pesar e deixar os fios escorridos e oleosos. Ou melhor, ensebados.

Provavelmente, o cabelo não vai ficar legal. Neste caso, portanto, use um leave-in, um creme bem leve, com base de spray, líquido, ou até mesmo um bifásico.

Dentro das propriedades pode ter algum tipo de aminoácido, algum tipo de óleo, mas leve.

Protetor térmico para cabelos cacheados

Para cabelos cacheados normalmente se usa a versão em creme, em mousse ou em serum.

São produtos mais indicados pois vêm com ação anti-frizz e como são derivados de algum tipo de manteiga, ajudam a definir e controlar os cachos.

Na realidade, é muito interessante neste caso utilizar o creme de pentear aliado ao ativador de cachos.

Produtos derivados de silicone ajudam a blindar e hidratar o cabelo cacheado.

Protetor térmico para cabelos crespos

Cabelos crespos possuem necessidade muito grande da utilização de um protetor térmico. Isso acontece em razão de se tratar de um tipo de cabelo deficiente de oleosidade.

Muitas vezes, no entanto, é um cabelo que não é grosso, possui aspecto mais fino. Neste caso, utilize serum ou bifásico.

Como usar protetores térmicos?

Kaká Marinho durante curso.
(Foto: Deivid Barreto)

Não é difícil. Os termoativados, por exemplo, são autoexplicativos: eles precisam ser ativados. Então, toda vez que você for usar um produto desse tipo você precisa ativá-lo com a mão.

Afinal, produtos termoativados precisam ser ativados com algum calor. E você não vai esquentá-lo, não é? Então a fricção com a mão é suficiente para ativá-lo antes de aplicar no cabelo.

Não precisa exagerar na hora da aplicação. Não é o excesso de produto que vai proteger o seu cabelo. Basta colocar uma moedinha na mão. Ou duas, para distribuir nos fios.

Preciso usar protetor térmico ao utilizar secador ou prancha?

Sim. Você precisa usar.

A prancha desidrata o cabelo, enquanto o secador é fonte de calor, ou seja, elimina água do cabelo. Então você precisa proteger os seus cabelos.

Além disso, o protetor ajuda a prolongar o efeito da prancha, pois ele auxilia no fechamento das cutículas do cabelo.

Quando você usa prancha sem proteção térmica, você cria um atrito sobre a cutícula, que é a parte de proteção do cabelo. Ao utilizar o protetor, você passa a prancha em cima desse protetor e cria um fechamento de cutícula, o que deixa o cabelo mais saudável.

Cuidado com as mechas

Quando você vai no salão fazer mechas, você judia bastante do cabelo, pois ele vai perder proteína, vitamina, sais minerais, oligoelementos, etc.

Muitas vezes o profissional, ao terminar o cabelo, usa o modelador, prancha, babyliss, e isso faz com o que seu cabelo fique mais ressecado.

No outro dia, quando você lava o cabelo, você nota a realidade. Então evite fazer muitas mechas, ou se certifique que o profissional que te atende está usando protetor térmico para evitar a desidratação do seu cabelo.

Prancha em cima de serum vai fritar o cabelo?

Depende da qualidade do produto. Quando ele tem qualidade e possui proteções na composição, não existe essa possibilidade. Pode usá-lo à vontade.

Qual a diferença entre usar um leave-in e um protetor térmico?

Nós vemos muito por aí o pessoal fazendo empoderamento nos cabelos de modelos com cabelos cacheados. Eles deixam o cabelo secar, passam o difusor e ele fica um tempão em contato com o cabelo.

Se você passar somente um anti-frizz ou ativador de cachos e não utilizar uma proteção térmica, esse cabelo tende a ficar ressecado e inchar a cutícula. Dessa forma, ele perde água e fica mais poroso.

Por isso, na hora de escolher um ativador de cachos é preciso verificar se ele agrega um protetor térmico.

Hidrate o cabelo

Nunca esqueça: além dos protetores térmicos que temos que usar no dia a dia, não deixa de hidratar os fios.

Antes de ir para a praia ou para a piscina, proteja os fios. Depois que chegar em casa, faça uma hidratação, uma nutrição, uma reposição de óleo com um creme.Cuide do seu cabelo! Não deixe seus fios irem ao extremo.

Conta a sua experiência com protetores térmicos nos comentários. Se tiver alguma dúvida, também fique à vontade para perguntar! Até a próxima!